Será verdade?

EXTRA! Hoje já tivemos atualização, mas esse assunto não podia esperar. Então está no ar o plantão do Home Doce Home. Domingo vi uma matéria no Fantástico sobre a nova lei do Inquilinato. Eu e o noivo ficamos super atentos para ver o que ela traria de vantagem para nosso futuro, afinal vamos morar de aluguel.


O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou recentemente essa nova lei aprovada pelo Congresso. E vetou alguns itens polêmicos como a concessão de liminar para desocupação do imóvel em 15 dias quando houvesse uma proposta financeira melhor de um terceiro, interessado na compra do imóvel. A data de aplicação da lei também foi um ponto vetado. Apesar de publicada na edição desta quinta-feira (10/12) do Diário Oficial da União, a nova Lei do Inquilinato entrará em vigor daqui a 45 dias. Prazo para que os inquilinos e locatários afetados pelas normas conheçam o conteúdo do texto e estudem seus efeitos.

O que a lei traz de novo? 
  • O inquilino terá 30 dias para deixar o imóvel quando o contrato não for renovado (o prazo anterior era de até seis meses).
  • Para o processo de despejo bastará a expedição de um mandado judicial que obrigará o locatário a deixar o imóvel. Atualmente a lei exige que o inquilino receba dois mandados e sejam feitas duas diligências, o que faz o processo se arrastar.
  • O fiador agora pode deixar de ser o garantidor do imóvel. Para isso basta comunicar sua decisão ao proprietário e ficar desobrigado do compromisso em 120 dias. Comunicado do fato, o inquilino terá 30 dias para providenciar novo fiador idôneo.
  • Caso o locatário não consiga outro fiador, o contrato fica automaticamente transformado em locação sem fiança. Mas essa nova locação sem fiança permite desocupação do imóvel em apenas 15 dias após a notificação judicial.

Fiquei meio desempolgada após ver a matéria, por que não conseguia visualizar nenhuma vantagem para o locatário, apenas para o inquilino. Mas hoje fui atrás de ler um pouco e me informar melhor sobre essa nova lei. Segundo especialistas essas mudanças irão facilitar o processo de locação e desse modo, aumentar o número de imóveis disponíveis para alugar. Oferta grande, preços reduzidos! Será mesmo verdade? Será que o mercado de locação de imóveis realmente reduzirá os preços? Quero muito acreditar que sim, já que serei beneficiada com essas mudanças. Nesse caso vou ser que nem São Tomé, preciso ver para crer.

Quer saber mais sobre a nova lei? Confira o infográfico do G1.

Fontes: EPTV e G1 
Imagens: Google

4 comentários:

Portobello disse...

Bom Dia Ana Paula!
Obrigada pela sua visita já cedinho em nosso blog!
Realmente seria bom a gente ter mais tempo livre para visitar exposições.. coisas culturais né?!?!
Mas enquanto isso não acontece, vamos de blog em blog e nos matemos informados!

Boa essa matéria do aluguel!
Beijos

Dani Garlet disse...

oi ana, passando deixar beiiijoo

diariodeumasenhora disse...

Aaah eu acho que dará uma melhorada sim, ng dá ponto sem nó ne. E quem sabe muito em breve vcs já estarão com o imovel proprio de vcs.

bjs

Nana disse...

oi linda... hoje chegou seu cartão...
fiquei tão feliz...hehehe
e só hoje consegui ver o vídeo que você fez....

aadoreii...

fui a primeira a ser lembrada....rsrsrs

Muitíssimo obrigada pelo carinho... não li o post... estou passando rapidinho tá...

beijos querida...

Nana

Related Posts with Thumbnails
top